عربي - Deutsch - Française - Português - Español - - Italiano - русский

Apesar desses fatores e de alguns outros que não mencionei, há muita gente que se submeteu á verdade. O ponto de vista Muçulmano sobre Jesus  e outras declarações mais importantes provocam a admiração naqueles, que lhes são apresentados, como uma coisa que faz muito sentido e que tinham guardado, implicitamente, dentro deles sem o saberem. Esta e outras características fizeram com que o Islamismo fosse a religião de mais rápido crescimento do mundo, através da História. Ele exerce uma atração até mesmo em cristãos crentes, porque descobrem que:

a)     O Islamismo não abole Jesus , pelo contrário, ele o coloca na posição certa na longa linha dos homens que trouxeram a salvação real para a Humanidade. Na realidade, ele está adicionando uma nova dimensão à sua compreensão de  Deus, do que vem a ser um Profeta e do que é uma revelação.

b)     Quando se olha para o Cristianismo e Judaísmo (e nesse caso, para qualquer religião) a partir de uma perspectiva muçulmana, eles cabem, perfeitamente, na estrutura universal da unicidade de Deus e nos Seus planos para o gênero humano. Além disso, pode-se entender, claramente, porque há algumas lacunas ou discrepâncias nos relatos Bíblicos a respeito de certas colocações.

c)      O Islamismo considera a si próprio, como o elo final na cadeia de revelações. Ele promete aos seguidores de religiões anteriores enormes recompensas se eles adicionarem a crença no Islamismo às suas crenças anteriores. O Profeta Mohammad  disse: “Aquele que creu em sua religião e depois creu naquilo que me foi revelado será recompensado em dobro (por Deus)”. Isto é, uma vez crer em sua fé e a outra por reconhecer a verdade e crer no Islamismo.

Recapitulando! O Islamismo considera Jesus  um dos grandes Profetas de Deus. A sua missão foi a de pregar a Unicidade de Deus e encaminhar o homem ao seu Senhor. Ele jamais alegou ser outra coisa que não um servo e Mensageiro de Deus. Os relatos Alcorânicos sobre a sua vida e missão são sustentados por evidências esmagadoras.

Os muçulmanos crêem e aguardam a segunda Vinda de Jesus . Ele voltará não como Deus para julgar os não cristãos, mas, como Jesus, o servo de Deus. A sua vinda será para corrigir o conceito errado que o povo desenvolveu sobre a sua personalidade e missão. Segundo um dito do Profeta Mohamad , ele permanecerá quarenta anos, que serão os anos mais felizes desta Terra. Nesse interim, todos crerão nele como um Mensageiro e não como um filho de Deus. Todavia, o que será daqueles que não conseguirão viver até a sua Segunda Vinda?  É melhor que o façam já!

.......................................................

Fonte:

http://www.islamemlinha.com